‘É preciso corrigir os abusos’, diz Gilmar Mendes sobre delações premiadas. Mas a verdade é outra, descubra qual….

Ministro foi questionado sobre decisão de Lewandowski em devolver delação de marqueteiro de Cabral.

Ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou nesta quinta-feira (16) que a delação premiada, como instrumento de investigação, vem passando por aperfeiçoamento na própria Corte. Para ele, “é preciso corrigir os abusos” para preservar seu uso.

Mendes foi questionado sobre decisão do ministro Ricardo Lewandowski de devolver à Procuradoria Geral da República (PGR) o acordo de colaboração do marqueteiro Renato Pereira, que confessou crimes em campanhas do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral e outros políticos do PMDB fluminense. Lewandowski questionou a legalidade de benefícios concedidos a Pereira.

Gilmar Mendes disse que outros ministros já haviam devolvido delações para ajustes e que eventuais erros devem ser corrigidos.

“Me parece extremamente importante que essas questões sejam colocadas para o aperfeiçoamento da delação premiada. É importante que eventuais erros que ocorram não contaminem o próprio instituto, porque daqui a pouco nós passamos a cogitar da sua própria extinção por causa dos abusos. É preciso corrigir os abusos. Não vou emitir juízo sobre isso, estamos discutindo”, afirmou.

O ministro evitou comentar a fundo o caso concreto de Renato Pereira, mas disse que a decisão seguiu entendimento recente do STF, em junho, de possibilitar ao relator da delação na Corte analisar a legalidade das cláusulas do acordo antes de homologá-lo.

“A análise tem que ser da lei. O que o ministro Lewandowski chama atenção é que tem que seguir a lei, esse é o roteiro, que está na lei”, afirmou.

Gilmar Mendes defendeu a importância da delação no combate à impunidade e à criminalidade, mas alertou que “problemas” em seu uso foram noticiados em países como os Estados Unidos recentemente.

“Muitas vezes as pessoas podem ser estimuladas a fazer delações que são impróprias, imputar crimes a outros para se livrar, fazer negociação não exatamente perfeita, mas escusa. E o Supremo vem discutindo isso”.

As declarações foram feitas em entrevista à imprensa após assinatura de uma parceria entre o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e a Polícia Federal para compartilhamento de cadastros biométricos.

As digitais colhidas para o eleitor emitir seu título de votação poderão ser usados para emissão de passaportes. Atualmente, mais de 68 milhões de pessoas (46% do eleitorado) já foram cadastrados na Justiça Eleitoral.

Continua após a publicidade

Seja o primeiro a compartilhar com seus amigos!


Você não está sozinho aqui!

Leia mais, clique em: PoliticaMente


7499 postagens

Continua após a publicidade

:) Espalhe essa notícia!


:) Receba as novidades no Facebook!


:) Curtir o site!





20 escândalos sexuais que marcaram a carreira de celebridades
Coluna: Comportamento



Americano recebe o maior transplante de rosto da história
Coluna: Tecnologia, Videos



PARTICIPE DO EVENTO ‘Encontro Fraterno com Divaldo Franco’
Coluna: Religiosidade



Beijo transfere 80 milhões de bactérias entre parceiros
Coluna: Comportamento



Filmagem assustadora: Lobisomem é capturado vivo por moradores locais em interior do Brasil
Coluna: Humor



A vida no berço
Coluna: Mundo Animal, Videos



Johnny Depp na mira da justiça: ator pode estar envolvido em assassinato
Coluna: Comportamento, Debate, Pelo Mundo



O maior ciberataque da história está acontecendo agora: hospitais em 74 países do mundo tem que pagar para liberar até ambulâncias. Sistemas de informação e telefonia das instituições foram afetados
Coluna: Tecnologia



Avanço do mar: destruição costeira se alastra no País. Casos estão acontecendo de nordeste a sudeste do Brasil
Coluna: Sobrenatural



Café em SP resolve problemas dos ciclistas com ducha, assistência e estacionamento para bikes
Coluna: Comportamento



Igreja Universal vende chave do céu para deficiente mental
Coluna: Debate



Dinheiro realmente compra felicidade, revela estudo
Coluna: Debate



Holandês cria árvore híbrida que dá mais de quarenta diferentes tipos de frutos
Coluna: Coisa Linda, Tecnologia, Videos



Comitê da Austrália rebate ironia do Prefeito do Rio: “Não queremos cangurus, queremos encanadores”
Coluna: Esportes



NO RIO, Lei da Cachaça já causa polêmica: bares e restaurantes são obrigados a exibir pelo menos 4 tipos de cachaças no cardápio
Coluna: Debate



Médica morre, vai ao céu e relata o que viu! Simplesmente impressionante, leia e repasse
Coluna: Sobrenatural



Autor de perfil falso pede a advogado de Renata Sorrah para não ser processado
Coluna: Comportamento



Árabe rico procura 4 brasileiras para se casar e oferece 90 milhões para cada uma
Coluna: Pelo Mundo



Isso é Karma instantâneo: motorista faz gesto obsceno, mas sofre acidente em seguida
Coluna: Comportamento, Humor, Videos



Nova aparição da NAVE do COMANDANTE ASHTAR na Turquia
Coluna: Sobrenatural



Modelo com perna amputada é eleito o homem mais bonito da Inglaterra; fotos
Coluna: Coisa Linda



HOMEM É RETIRADO À FORÇA DA COPA DO COQUEIRO EM QUE ELE VIVEU POR 3 ANOS
Coluna: Pelo Mundo



Pânico: Piloto faz pouso forçado em meio a selva amazônica, veja vídeo
Coluna: Videos