Samsung é abalada por crise provocada por baterias explosivas

::)

A crise segue rondando a empresa sul-coreana Samsung Electronics, que anunciou nesta segunda-feira um “ajuste de volumes de produção” de seu telefone Galaxy Note 7, convocado a um recall devido a riscos de explosão. O primeiro fabricante mundial de smartphones passa por tempos difíceis desde que em 2 de setembro, semanas depois do lançamento antecipado do Galaxy Note 7, suspendeu as ventas deste “phablet” (híbrido de smartphone e tablet) e convocou a um recall 2,5 milhões de unidades vendidas em dez países após a descoberta de que, em alguns casos, as baterias defeituosas poderiam explodir.

A operação parecia avançar corretamente até que novos incidentes foram detectados em aparelhos Galaxy Note 7 que já haviam sido substituídos. No domingo, o gigante americano de telecomunicações AT&T e seu concorrente alemão T-Mobile anunciaram que interrompiam as operações com os Galaxy Note 7 à espera de investigações adicionais. O AT&T é o terceiro maior cliente da Samsung, e o T-Mobile o quarto.

Isso fez com que a ação da Samsung chegasse a perder nesta segunda-feira até 4% na bolsa de Seul, embora tenha terminado a sessão com um retrocesso de 1,52%. Além disso, segundo a agência de notícias Yonhap, que cita como fonte o responsável de um fornecedor do gigante sul-coreano, a Samsung teria suspendido temporariamente a produção do Galaxy Note 7.

Esta decisão foi adotada em coordenação com as autoridades de proteção do consumidor da Coreia do Sul, Estados Unidos e China, indicou a fonte, que pediu o anonimato, à agência sul-coreana. Mas a Samsung tentava na tarde desta segunda-feira (no horário da Coreia do Sul) esclarecer a situação. “Estamos tentando ajustar os volumes de produção para melhorar o controle de qualidade e permitir investigações mais profundas após as crescentes explosões do Galaxy Note 7”, indicou o grupo em um comunicado.

As imagens de telefones carbonizados inundaram as redes sociais de todo o mundo nas últimas semanas, um dano grave na imagem de uma marca que se vangloria de ser o campeão da inovação e da qualidade. E os incidentes reiterados em aparelhos já substituídos agravaram ainda mais a situação da Samsung.

A crise ocorre num momento que não podia ser pior. Após os anos excepcionais de 2012-2013, a Samsung começou a sofrer com a concorrência da americana Apple e dos grupos chineses. E o grupo sul-coreano contava com este modelo para sustentar seu crescimento até o fim do ano, em um mercado cada vez mais competitivo.

Os analistas consideram que o custo desta convocação a um recall oscila entre 1 e 2 bilhões de dólares. “É novamente algo muito grave”, declarou S.R. Kwon, analista da Dongbu Securities. “Podem chegar a retirar o Note 7 do mercado. O mais inquietante é que as coisas não parariam por aí”. “Isso vai danificar a imagem de marca da Samsung e penalizará as vendas de outros smartphones Galaxy”, previu.

:) Essa notícia


:) Espalhe nas suas redes


:) Amigos Online


:) Facebook


:) Curtir o site


"O Brasil corre risco, os espíritos de luz estão com dificuldades para nos ajudar." Clique aqui e leia a mensagem completa.



E ainda querem prender o Lula? Brasileiro é um povo idiota: Ministro do GSI diz que Planalto não tem câmeras de segurança desde 2009


Jovem transmite própria morte ao vivo no Facebook logo após denunciar abuso sexual. Subiu em árvore e se enforcou, ao vivo ….


ASSISTA O VÍDEO DE UMA VERGONHA ETERNA: Em arena na Espanha, touro golpeia anã, cai sobre ela e tenta cruzar.


PROFECIA REALIZADA: Neva dois dias seguidos em praia, conforme previu profecia apocalíptica de Nostradramus italiano


O BRASIL É UMA PIADA SEM GRAÇA: Cármen pede esforço de TJs para examinar processos de detentos


Presidente do PT diz que Lula é aspiração nacional para 2018: O BRASIL PEDE SOCORRO!


Motorista de Uber vira refém e transmite assalto ao vivo nos EUA


Dois presos engolem pelo menos sete celulares no interior de SP. Foram identificados por raio-x fones de ouvido, carregadores de telefone e maconha; um deles expeliu três microcelulares


Os números colossais da Operação Lava-Jato: 1 bilhão de documentos apreendidos, 6,4 bilhões de reais em propina descoberta e outros dados da maior investigação de corrupção da história brasileira


Em 10 anos, só 16.534 vagas em prisões foram criadas com verba federal. Se mantiver o ritmo atual, o Brasil precisará de 151 anos para acabar com o atual déficit de 250.000 lugares no sistema penitenciário


APOSENTADOS: Pela 1ª vez em 20 anos, aumento deverá ser superior ao do salário mínimo, que aumentou 6,48%.


SEM VERGONHA: Camisa ensanguentada de Valdemiro é usada para ‘curar’ fiéis. A “roupa sagrada” foi guardada “pela importância do que aconteceu”….


SAFADO EM NOME DE DEUS: Após ser esfaqueado, bispo Valdemiro pede R$ 8 milhões aos fiéis. ATÉ ONDE VAI A CARA DE PAU DESSE CIDADÃO?


TUDO TEM PREÇO PARA ENTRAR EM QUALQUER CADEIA DO BRASIL: Funcionário relata ‘tabela de preços’ para entrada de armas em presídio


Vídeo mostra festa com drogas e álcool em presídio feminino no Recife. Imagens foram feitas em réveillon na Colônia Penal Feminina.


bt_leiamais1 3911 postagens

CONTINUAR LENDO